terça-feira, junho 14, 2005

A camorra de Galiza Nova

Andam os babecas de Paliza Boba a amolar à minha amiga Sabela. A ver quando lhes entra na cabeça que nom é por culpa do blog de Sabela, nem por culpa de nengúm blog, nem por culpa de nengum dos fantasmas que agitam para justificar os seus ódios irracionais que vam perder as eleiçons. Aliás, aos mamalons esses de Paliza Boba, quê lhes importa quê caminhos decida tomar a esquerda independentista, nem no tema eleitoral, nem em nengum outro? Se nom competimos polo mesmo espaço...nós pretendemos chamar ao voto soberanista e eles pretendem ganhar-lhe ao PP e ao PSOE no seu terreno e aliás perdem (claro, como nom). E o que teriam que fazer é preocupar-se de discorrer porquê Quintana vai perder perante dous tecnocratas espanhois medíocres e fracasados como Touriño e Fraga, e nom de forças políticas que tirarám nestas eleiçons mil, dous mil, três mil votos...porque ainda que tiraram vinte mil, nom seria esse o problema. O problema é que o BNG apostou por umha via que está a fracasar.
Por outra banda, a polémica é pola repressom sobre a esquerda independentista. O silêncio do mundo do BNG é muito significativo e a troça com o que o tomam off the record, bastante escandaloso. E, por dizê-lo, bombardeiam o blog de Sabela. Som igualinhos que as juventudes hitlerianas. Em Ponte Vedra, tiverom que levar de óstias para entender que eles nom som os donos de nengumha rua nem de nengumha manifestaçom. A óstias é que entendem. Quê baixo caiu essa organizaçom, assumindo labores para-policiais. Parece que agora também se erigem em inquisiçom internética.
Bom; que vos sente bem a derrota eleitoral. Bem sabedes vós quantos sodes, e sodes bem poucos, e representativos de absolutamente nada. Já se viu, o Dia de las Fuerzas Armadas, o vosso poder de convocatória. A vossa auto-compracência e sectarismo tiverom um justo prémio. Machinhos e machinhas; manifestaçom do manifesto Nom os Queremos e da Assembleia Aberta, seiscentas pessoas. Palhaçada de Galiza Nova, duzentas...ou trescentas, dependendo de a quem se lhe faga caso. De qualquer maneira,umha grande diferença. O trabalho honesto e conseqüente, deu fruto.

15 Comments:

At 4:32 PM, Blogger Sabela said...

Nem falha fai dizer que nom se lhe(s) pode dar tanta importáncia...

 
At 10:16 PM, Blogger tangaranho said...

Eu nem falaria deles, se nom fosse que estám a utilizar métodos estalinistas contra ti e contra todo aquele que nom lhes ria as graças...

 
At 10:39 PM, Anonymous Anônimo said...

Oi, amigo, antes de máis, saúdos, pero a serio, mellor vaite mirar, ou un días destes vaiche ir mal e non queremos que che saia un úlcera nin nada.

Refíreste, con "bombardear", a UN COMENTARIO que aparece aquí: http://www.agal-gz.org/blogues/index.php?blog=8&title=repressom&more=1&c=1&tb=1&pb=1#comments ?

Considerar un comentario un bombardeo, cando lendo este blogue ou o outro que citas e que saes a defender nun curioso papel de vengador justiciero pódense atopar ducias de referencias ofensivas, inxuriosas e obsesivas cara Galiza Nova, o BNG, a CIG... é cando menos curioso. Igual é ese outro o auténtico "bombardeo".

E en todo caso:

Non son os blogues espazos públicos? Non é a sección de comentarios para opinar?
Non sobrepasará o teu problema coa túa ex-organización o terreo político para adentrarse no psiquiátrico?

 
At 11:26 PM, Blogger tangaranho said...

Eu jamais censuro nada do que se escreve no meu blog, que conste, ainda que nom me parece mal que outr@s o fagam...sobretudo quando se trata de ataques desproporcionados e covardes ou desrespeitosos como os que a Sabela recebe por parte de alguns que em tempos deziam ser amigos seus...e é que aos protas do filme nom lhes fai nengumha graça que lhes digam as cousas como som. Claro, eu fago a diário comentários ofensivos neste blog contra o BNG e a CIG, como se nom tivera outra cousa que fazer; isso é singelamente mentira, porque neste blog de política partidarista se fala pouco, ainda que se fale de quando em vez...olha umha cousa, eu desde o Tangaranho Vermelho dou-lhe voz a pessoas vinculadas ao BNG sabendo que estám vinculadas ao BNG e sabendo que tenhem accesso a ámbitos onde eu nom poderia chegar; falo a nível artístico, claro. O mesmo poido dizer, falando das diferenças pola questom normativa, de companheir@s que nom som reintegracionistas e que sei que já polo simples facto de escrever com grafia espanhola tenhem mais possibilidades de publicar que eu, serám chamados a recitais aos que a mim nunca me convidarám e terám um apoio dos méios de comunicaçom que eu nunca terei. Pode ser pola qualidade da minha obra, claro, o que se passa é que como há poetas "dos de verdade" que se encontram numha situaçom similar...pois terei que entender que a normativa também tem a ver. Como ves, de sectário eu nada de nada; de resentido tampouco; de sicopata...pois o certo é que ao melhor sim, mas enfim, conheço a mais de um no BNG que está pior que eu; os que andam a intoxicar pola rede adiante, muito sanos nom devem de andar, e os que andam a jogar a polícias nas manifes...esses nem che conto. Pois já che digo, neste blog ou em actos promovidos baixo o nome do Tangaranho tiverom voz e terám pessoas do BNG, nom erres um pelo comigo, e no que é o corpo social do BNG conheço muita gente e tenho amigos...o que nom tolero é o ódio gratuito, a agressom e as atitudes prepotentes...e de onde nom me vas tirar é de que o mundo do BNG (CAF, GN, CIG...) pratica a exclussom sistemática contra a Esquerda Independentista de umha maneira descarada e sem motivos. Como tampouco me vas tirar de que enfiastes o caminho do sectarismo e a auto-comprazência, e aginha veremos aquí um caso ilustrativo: a repressom.

 
At 5:48 PM, Anonymous Anônimo said...

A vossa estratégia tampouco tem demasiado éxito que digamos. :(

 
At 11:29 PM, Blogger tangaranho said...

Se te referes aos resultados eleitorais, tenho que che dar umha muito má notícia; NÓS-UP é a única força nacionalista que medra, e medra nada menos que um 25%. Já lhes gostaria a muitos poder dizer o contrário, mas aí estám os resultados. Um projecto que medra em apoios é um projecto viável.

 
At 11:30 PM, Blogger tangaranho said...

Naturalmente refiro-me a que medra a respeito das europeias.

 
At 7:01 PM, Anonymous Anônimo said...

quem quere buscar motivos para alegrar-se, acaba por atopalos... e chamar a alguén stalinista, despois da que fixestedes este fin de semana en Ferrol... e comezar chamando camorra... se sabela ten problemas cos seus amigos/as e a acosan, moi mal por elas/es, pero ela saberá que amigas/os escolleu. iso non dá direito a dicer que tod@s @s de Galiza Nova son unha camorra.

ti sabes que comportamentos teñen os teus camaradas en Compostela? a que chamas ti "acosar"? porque efectivamente eles si que se gaban cada vez que poden de que resolven as cousas "a hostias", porque cerebro non teñen. por algo será que non vos aturan nen os da AMI, non?

polo demais, se sacades dous votos nunhas eleccións, e noutras catro, si, aumentades en apoios o 100% do que tiñades. o caso é que ao mellor mirades e votou o dobre de xente -en porcentaxe até baixades.

 
At 6:59 AM, Blogger tangaranho said...

Sim, homem, sim...que te importam a ti muito os da AMI e que te importa a ti muito o que poida passar no seio de NÓS-UP e, seguro, seguro que no BNG nos podedes dar muitos exemplos de democracia interna. Som-che ganas de meter zizanha, porque na UPG o que queredes é exterminar o independentismo, assim, sem mais matizes, nom é um problema de se os da AMI som mais maus ou mais bons que os de PL...isso apenas é o vosso inútil intento de criar contradicçons internas, que já as há, mas que se resolverám internamente pola conta que nos tem a tod@s, porque nom somos pimpins como para fiar-nos do abraço do urso. Vamos, que te preocupa a ti muito a Assembleia Nacional de NÓS-UP, sim ho...por outra banda, espécie de olhomol anxoquintaniano, para a tua desgraça, vós sodes os que baixades porcentualmente e em votos; nom há pior cego que o que nom quer ver. Porquê será?

O de Galiza Nova, já nem é polo de Ponte Vedra nem polo do Primeiro de Maio; lembremos a provocaçom de Paliza Boba em Lugo, na manife de solidariedade com os três processados da CIG da última greve geral. A ver, fagamos memória, quem estava alí fazendo cordom para proteger a sede do PP? Som ou nom som essas práticas mafiosas e para-policiais? Isso é fascismo puro. Sodes como as SA nazis.

 
At 11:17 AM, Anonymous Anônimo said...

Pois nin iso, síntoo. Nós-UP baixou, porcentualmente, do 0,12% ao 0,11%, das europeas á autonómicas.

Especialmente acusado foi o descenso nas localidades onde Nós-UP ten algunha presenza: A Coruña, Compostela, Ferrol, Pontevedra, Vigo...

E descenso ainda tendo en conta que desta vez si tod@s @s afiliad@s de Nós-UP votaron a Nós-UP, algo que non pasou nas europeas.

Como mínimo, non manipules. Os datos electorais deben compararse de xeito relativo (porcentual) e non absoluto, o contrario é unha fraude.

 
At 11:25 AM, Anonymous Anônimo said...

Ah, e non, non se vai permitir que o titular o día seguinte dunha manifestación (caso da de Lugo) sexa que uns descerebrados romperon un cristal (enorme dano ao PP!) e non o éxito rotundo desa manifestación.

A quen beneficia iso?
E se fosen policía os que rompesen o vidro, como se ten demostrado nalgunha ocasión? Tamén sería unha acción revolucionaria? Tampouco debería impedirse?

Que pensarían os tres represaliados vendo como aproveitades unha mobilización en solidariedade con eles para gañar protagonismo?

 
At 5:46 PM, Blogger tangaranho said...

Sodes uns putos nazis, e nada mais. Quem caralho é a puta UMG para erigir-se em polícia numha manifestaçom popular? Sodes uns putos nazis, e nada mais. A demostraçom palmária é esta obsessom por vir a "pôr ordem" em foros que nom som vossos, e digo "pôr ordem" porque só intervides quando se toca algum assunto de política partidista que vos pringa, nem palavra sobre Antom Moreda, nem palavra sobre a repressom sobre BRIGA...nem palavra. Só quando se menta a Galiza Nova ou algum dos vossos vomitivos chiringuitos. Bom, espécie de verme, já te podes pôr como queiras...1.700 votos serám sempre mais que 1.400, e o BNG sim que baixa em termos relativos e em termos absolutos. Olhes por onde olhes.Será também culpa nossa? Nom; vós sodes os únicos responsáveis de que o próprio corpo social nacionalista vos mande a tomar vento fresco...

 
At 11:09 AM, Anonymous Anônimo said...

e se tomas a pastilha?

 
At 9:11 PM, Blogger tangaranho said...

E se lhe vás dar a lata a um guarda?

 
At 4:02 PM, Blogger Xurxo said...

Ten razon Sabela pero á inversa, para que darlle algunha importancia a Nós-UP, PL, BRIGA...
Fagamos unha reflexion obxectiva: pode chamarse represion o que o policia fai con BRIGA? Claramente NON!! Os actos "políticos" da BRIGA consisten en desfacer o que se lles ocurra, si eu escacho unha estatua nun parque publico o lóxico é que me deteñan, pero si o fai a BRIGA non é delito, senon represion! Parece de broma, outro exemplo: entrar no Galiemprego e tiran 5kg de pintura por enriba dun stand e dos traballadores que ali estaban, é loxico?!!!! e si os prenden, é represion????!!! eu chamolle xustiza. E despois non entendedes como a FPG non quere ir en listas con vós ou en manifestacions conxuntas!, normal.
Porque a FPG é a unica opcion independentista seria e responsabel cos seus actos.
Ainda así a mellor é o BNG e Galiza Nova, pois é a unica forza actuante e racional que actua no pais. Adiante con o B.N.G. e con Galiza Nova, o futuro está nas nosas mans; Galiza Ceive!!

 

Postar um comentário

<< Home